PPL - Crowdfunding Portugal. Plataforma disponível em PPL.com.pt

terça-feira, 13 de maio de 2014

Primeira plataforma de crowdfunding de uma cidade

Foi anunciado no passado dia 8 de Maio o projecto que levará à criação em Lisboa da primeira plataforma de crowdfunding de uma cidade.

O PPL associou-se a esta iniciativa, em parceria com a Câmara Municipal de Lisboa, a Fundação Calouste Gulbenkian, o Montepio e a Vieira de Almeida.

Os principais objectivos desta plataforma específica com a marca Lisboa são:
  • Estimular a criatividade e a inovação empresarial e social
  • Estimular o espírito de iniciativa, a empregabilidade e a criação de emprego
  • Promover a criação de negócios inovadores e geradores de emprego
  • Proporcionar novas oportunidades de investimento a aforradores (particulares e institucionais)
  • Captar investimento nacional e internacional
  • Dinamizar o investimento em reabilitação urbana, com atração de novos residentes
  • Valorizar o aproveitamento energético da cidade de Lisboa

Agenda do evento:

15h00 - Recepção 
15h15 - Apresentação da Plataforma de Crowdfunding de Lisboa pelos parceiros fundadores: 
  • Câmara Municipal de Lisboa
  • PPL
  • Fundação Calouste Gulbenkian, 
  • Montepio Geral
  • Vieira de Almeida

15h35 - As Oportunidades e os Desafios do Crowdfunding em Portugal.
  • Antonio Camara (Ziphius e Printoo)
  • Pedro Oliveira (Patient Innovation)
  • Pedro Pina (3D Antártida)
  • Isabel Soares (Fruta Feia)

16h45 - Debate

17h00 - Encerramento

2 comentários:

  1. Tive oportunidade de contribuir para alguns projectos do PPL-CrowdfundingPortugal, projectos e plataforma que divulguei amplamente. Lamento ver agora esta iniciativa associada a uma empresa como a Vieira de Almeida, de que não se conhecem obras em favor dos cidadãos honestos e empreendedores mas antes se conhecem demasiado bem múltiplas ligações a histórias de negociatas e histórias obscuras... Muito gostaria que me explicassem que papel esperam que desempenhe essa poderosa sociedade de advogados no apoio aos projectos e à PPL- Crowdfunding Portugal.

    ResponderEliminar
  2. Cara Helena,

    muito obrigado pela mensagem e divulgação da plataforma e projectos.

    Em primeiro lugar, a plataforma PPL irá continuar a operar como até aqui: de forma independente e com a mesma atenção e dedicação a todos os promotores e apoiantes. É a nossa marca e forma de estar.

    Em todo o caso, não deixaremos de estar associados a outras iniciativas nas quais achemos que podemos ser uma mais-valia, tal como já acontece com a plataforma BES Crowdfunding.

    A plataforma Lisboa conta com vários parceiros fundadores, entre os quais o escritório da Vieira de Almeida (VdA), com quem a Câmara Municipal de Lisboa já trabalha. Sem querer fazer qualquer avaliação do escritório VdA, temos registado o acompanhamento que tem tido em relação a temas e eventos relacionados com o crowdfunding, incluindo a presença no debate na Assembleia da República. Nesse sentido, acreditamos que a VdA poderá dar um contributo relevante a este meio de financiamento, nas suas diversas vertentes.

    Recordo ainda que existem outros parceiros complementares com excelente histórico em apoio a iniciativas culturais, empreendedoras e/ou sociais, como o caso do Montepio e da Fundação Calouste Gulbenkian. Cada parceiro terá as suas competências e papel nesta iniciativa conjunta.

    Agradecemos mais uma vez a atenção e estamos ao dispor para qualquer esclarecimento. Convidamos a Helena a acompanhar os desenvolvimentos e a dar o seu feedback sempre que ache apropriado pois todas essas opiniões são importantes para nós.

    Atentamente,

    ResponderEliminar